Racionalidade

Evidentemente, aprendemos desde cedo na vida, a tentarmos ser sempre racionais, isto é, sabermos quando e como devemos proceder, tanto particular como comercialmente assim que iniciamos nossa vida profissional.

Na vida particular, sempre fomos aconselhados, desde pequenos, a não sermos inconvenientes, isto é, a agir de maneira adequada e sem exageros, em qualquer tipo de situação.

E isso sempre tentamos e conseguimos passar para nossa filha, que felizmente tem  sua maneira de agir, de maneira adequada em qualquer situação.

Mesmo porque as pessoas que agem diferentemente, automaticamente criam uma situação de isolamento, pois quem as rodeiam podem não ter a paciência para suportar determinada atitude.

Ou mesmo porque, muitas vezes, o assunto que estaria sendo tratado naquele momento não tenha despertado o interesse suficiente para ser discutido ou apreciado.

Por isso, o nosso “desconfiômetro” deverá estar sempre ligado, para que não nos comportemos de maneira a que o nosso interlocutor se canse de nos ouvir, ou que não tenha o interesse necessário ao assunto abordado naquele momento.

Ainda mais quando se trata de pessoa ocupada, com seus horários de trabalho necessitando de sua atenção naquele momento, sua paciência não estará disponível para ouvir um assunto que não for de seu interesse.

Devemos estar, de certa maneira, sempre atentos em qualquer situação onde o diálogo possa se prolongar sem que o interesse de nosso interlocutor seja apropriado ao momento e ao que estivermos falando.

Claro que não é fácil conseguirmos um equilíbrio para uma convivência agradável, mas se colocarmos nossa razão no que estiver sendo tratado, poderemos perceber do interesse ou não naquilo que estiver sendo exposto.

E dessa forma poderemos continuar aquilo que estivermos expondo, ou vamos abandonando o assunto em questão e partindo para uma nova idéia.

Devemos também deixar que nosso interlocutor exponha aquilo que desejaria discutir sobre o assunto em questão.

Assim, usemos sempre nossa razão para que nunca sejamos importunos, facilitando o diálogo e a convivência com nossos interlocutores e amigos.

Abraços e bom domingo, bem conveniente, e racional 🙂

Amanda

Anúncios

Publicado em maio 19, 2019, em Inteligência Social e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Helena Nogueira de Paula

    Bom dia querida Amanda!
    Sempre bom reencontrar vc em seus artigos de domingo.
    Interessantes e proveitosos, trazem sempre algo agradável.
    Abraço-a com carinho .Bjss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s