Inadvertência

Inadvertência, em princípio, significa uma negligência, ou melhor, uma falta de atenção seja em qualquer assunto ou atividade sobre o qual estaríamos falando a respeito.

Devemos, mesmo, tomar muito cuidado em tudo o que fazemos ou encomendamos para evitarmos os erros comuns que possamos cometer, seja em uma compra inadequada, o preparo de alguma festividade, enfim, onde estejamos sujeitos a uma escolha, de qualquer natureza.

Assim, nossa atenção deverá sempre estar voltada para a execução de algo que planejamos e pretendíamos realizar.

Inadvertência, muitas vezes, significa descuido, o que demonstra um sentimento de pouco caso naquilo que estaríamos escolhendo, fosse para um presente, ou para um objeto de uso pessoal.

O fato é que não podemos, nem devemos, nos esquecer da “fiscalização” natural que devemos sempre ter, em todos os aspectos, pois se errarmos e tivermos a oportunidade de consertar nosso erro, tudo, com certeza, transcorrerá melhor.

Isso, em qualquer setor da atividade humana.

A inadvertência pode nos trazer consequências inevitáveis, contra as quais devemos lutar sempre e nunca estarmos sujeitos ao que chamamos de desatenção, distração, etc.

Pois ela é, com certeza, sinônimo de descaso, desinteresse mesmo.

Assim, precisamos cada vez mais do carinho, e sem nos esquecermos de que nossas necessidades mudam à medida que crescemos e evoluímos.

Os pais amam e cuidam de seus filhos, suprem suas necessidades, este é o processo natural e dentro da normalidade.

Se, por inadvertência, deixamos que alguém tome alguma atitude desagradável para nós, é bom que tenhamos em mente as consequências desse ato.

Uma parte de casos sinalizou para uma falha dupla, ou seja a do mau caráter, de quem a pratica e a da inadvertência de quem permitiu que o delito fosse praticado.

Muita cautela, portanto, devemos ter para não agirmos incorretamente, para que evitemos a sanção desnecessária e que não nos prejudiquemos inutilmente.

E não nos esqueçamos de pensarmos bem antes que tomemos atitudes das quais possamos nos arrepender mais tarde, pois muitas vezes não se tem o que fazer depois, como minha mamy sempre dizia, refletir antes de praticarmos algum ato impensado.

Abraços e bom domingo, sem arrependimentos e sem negligência 🙂

Amanda

Anúncios

Publicado em maio 27, 2018, em Inteligência Social e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s