Viver um dia de cada vez

Claro que temos o dever de nos preocuparmos com o dia de amanhã, em função de nossas obrigações e manutenção de nosso lar, as realizações e os negócios aos quais nos propusemos a executar, nossa vida diária.

Mas o que nos referimos é que devemos lutar para o dia que estamos vivendo no momento seja pleno, com o máximo de produtividade que possamos desenvolver, realizações que foram planejadas e que naquele dia estejamos concluindo.

Isso poderá sempre nos proporcionar uma satisfação e uma sensação de realização no que pensamos em fazer e que esteja começando a dar algum resultado ou a perspectiva de estar sendo concretizado.

Nesse caso, teremos a oportunidade de nos sentirmos plenos de nós mesmos, por termos conseguido consequências aguardadas com certa ansiedade que sempre toma conta de nós, quando planejamos ou iniciamos a realização de algum projeto.

Mesmo nos preocupando com o nosso futuro, como é natural, temos que fazê-lo sem angústia, pois se mantivermos a calma e o raciocínio, teremos, de longe, mais chances de acertarmos na realização de nossos planos iniciais.

E, importante, não termos medo de sentirmos o bom e também o preocupante, pois ambos fazem parte da vida de todos nós, e não termos medo de sentir saudade, não ter medo até mesmo de chorar.

Importante é achar o equilíbrio.

Uma forma de não nos atormentarmos é não vivermos na eterna busca, viver um dia de cada vez, mas sem deixarmos de nos preocupar com o futuro, e fazer tudo com equilíbrio e alegria.

Achar o ponto certo deverá ser o nosso objetivo.

Para isso, obedecer o nosso raciocínio, não viver eternamente na busca, e cada dia ser vivido com intensidade, sem nos esquecermos dos dois objetivos: ao mesmo tempo que vivemos intensamente o dia, fazer também com que ele seja produtivo.

Fácil não é, como nada é fácil nesta vida, mas aproveitarmos a vida que nos foi oferecida, tentando encontrarmos o equilíbrio necessário para a vitória, acreditando no sucesso, no amor, e na valorização das intenções.

Acreditar e ter fé no amor, no que plantamos durante nossos dias, em relação à nossa profissão, aos estudos aos quais nos dedicamos, à honestidade que permeia nossa vida.

E, dessa forma, as chances de termos resultados pelos quais lutamos serão sempre valiosos e possíveis.

Importante, porém, termos cuidado pois o tempo mal usado não pode ser reaproveitado, portanto, lutemos para que sejamos cada vez melhores à medida que o tempo vai passando, para conseguirmos realizar sempre cada vez mais e melhor. Esse deverá ser nosso propósito de vida.

Vamos viver um dia de cada vez, procurando produzir sempre mais, com maiores perspectivas, cultivando mais e mais os bons propósitos e procurando sermos úteis aos nossos semelhantes para que, fazendo os outros felizes, possamos ser felizes também.

Como diz o velho ditado: viver um dia de cada vez como se fosse o último!

Abraços e bom domingo 🙂

Amanda

Publicado em dezembro 11, 2016, em Inteligência Social e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Concordo plenamente!!! Como sempre muito sábias suas colocações!!!
    Eu a admiro muito!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s