Cumprir ordens

Normalmente não temos idéia dos frutos que a obediência às ordens que recebemos é capaz de produzir, seja na vida diária, seja em eventos que temos que ver os resultados no futuro, sejam datas a serem comemoradas, enfim, obediência a obrigações, profissionais ou sociais.

Mesmo porque ordens não significam somente o que recebemos de outras pessoas e que devemos seguir, mas também o que nos impomos como obrigações e que devemos cumprir.

Falo de obediência a leis às quais estamos sujeitos, sejam ditadas pelo Estado, sejam pelos nossos pais, nossos superiores hierárquicos, enfim, leis que regulem nosso comportamento onde estivermos. E também instruções que temos o dever, seja cívico ou social, de seguir, obedecendo a normas de honestidade que norteiam nossa vida.

Silêncio em locais de espetáculos, teatros, cinemas, escolas, pois temos que ter atenção ao que os professores nos transmitem, é imprescindível.

São várias as ocasiões em que temos que seguir regras de obediência para que consigamos aprovações em diversos ramos de atividades as quais nos dedicamos durante nossas vidas.

Os filhos, por exemplo, deveriam ter o sentido de obediência aos pais, e se diz que nos dias de hoje já não se tem tanto como antigamente, mas de qualquer forma, seja de maneira diferente, com diálogos, se pode conseguir que os filhos sigam a orientação dos pais e educadores.

Grande possibilidade de sermos atendidos em nossa orientação deverá ser através de diálogo para que consigamos demonstrar nossa experiência com sucesso, naturalmente adaptados ao mundo de hoje, e o resultado que tenhamos conseguido com nossa atitude séria, de trabalho e dedicação.

Não podemos nos esquecer de que cumprir ordens faz parte de nossa vida diária, e tudo se inicia na nossa infância, pois temos que entender que quem nos orienta normalmente terá mais experiência do que nós, e portanto, mais a nos ensinar.

Começando pelos nossos pais, passando por nossos professores, e se formos humildes, o aprendizado pode nos trazer a experiência que nos fará progredir ou não mais tarde em nossa vida escolar e profissional, sem falar social.

Se ouvirmos os mais experientes, só teremos a ganhar, pois economizaremos as chamadas”mancadas” que costumamos dar pela nossa falta de experiência.

E se sabemos seguir ordens, aprendemos também exprimi-las com precisão a quem terá que cumpri-las, pois as instruções devem ser transmitidas, com educação, clareza, e se não forem bem entendidas, repetirmos com gentileza, assim com certeza conseguiremos bons resultados.

Minha experiência nesse sentido tem sido muito positiva. Sempre segui as ordens e orientações de meus pais e chefes, aprendendo assim a dar ordens com eficiência, clareza, e principalmente muita educação.

Abraços e bom domingo 🙂

Amanda

Anúncios

Publicado em novembro 6, 2016, em Inteligência Social e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s