Educação e Hipocrisia

Sempre me lembro, quando minha filha era pequena, com uns seis anos, mais ou menos, e que eu lhe recomendava educação no cumprimentar nossas amigas, e ela dizia que não gostava, mas como sempre fui de certo modo, muito exigente, eu lhe dizia que mesmo não gostando, teria que ir na sala para cumprimentar quem chegava.

Sempre foi de questionar, inteligente, um dia me perguntou porque deveria cumprimentar se não gostava de determinada pessoa. Eu lhe dizia que mesmo não gostando, nunca se negava um cumprimento, por educação.

Ela não teve dúvida, insistiu: porque deveria cumprimentar sem gostar?

Lhe respondi que teria que ser educada, e assim falar com quem lhe dirigia a palavra.

Não contente com a resposta: “Mamãe, então educação é hipocrisia”?

Naquele momento, na verdade me deu até vontade de dar uma boa risada, pois nem sei onde ela teria aprendido ou escutado a palavra hipocrisia. Mas me saí diretamente dizendo-lhe que hipocrisia ou não, ela teria que cumprimentar nossos amigos sempre.

E, felizmente, ela entendeu, e nunca deixou de cumprimentar as pessoas que chegavam e quando nos encontrávamos em qualquer ambiente.

Essas observações sempre nos seguem em nossa vida diária.

E me lembro, pois, muitas vezes nos damos conta de amigos que, mesmo não apreciando algumas pessoas, e sabendo que não ficarão íntimos, pelo menos nunca negam um cumprimento, seja em que ambiente for.

Passamos sempre por esse tipo de situação e aprendemos com o passar do tempo, que, mesmo se depois não convivemos por falta de afinidades ou simpatia, usamos nossa educação para os cumprimentos adequados a cada situação.

Podemos até chamar de hipocrisia. Mas prefiro chamar de educação, uma atitude chave para qualquer relacionamento social.

E, muitas vezes, nos surpreendemos, quando achamos de início do conhecimento, que nada teríamos em comum, e somos apanhados de surpresa ao descobrirmos afinidades, e até mesmo parentesco inesperado.

Por isso, creio que o ideal é nos darmos a oportunidade de conhecermos melhor quem nos é apresentado, sem fazermos um juízo inicial e precipitado, e através do qual podemos cometer muitos erros que nos privarão no futuro de uma amizade que poderia durar toda uma vida.

A predisposição nunca é construtiva, pois pode nos levar a cometer erros de juízo, e nos privar de amizades que poderiam ser maravilhosas, cheias de conteúdo e com as quais poderemos aprender. Ou ensinar…

Por isso, devemos, sempre que possível, nos darmos a oportunidade de conhecer gente nova.  Uma idéia preconcebida poderá nos fazer perder essa chance, lembrando que se somos humildes, provavelmente também aprenderemos.

Assim, devemos ter muita responsabilidade ao tratar da educação de nossos filhos, pois se diz que os filhos são nossos espelhos.

Tratemos então de tentar passar-lhes a educação através de nossas ações e reações, pois eles poderão descobrir nelas a simpatia e até mesmo o amor.

E vamos ter muito cuidado com a palavra hipocrisia. Tudo é questão de visão.

Abraços e bom domingo, com educação e gentileza, sem hipocrisia! Sempre 🙂

Amanda

Anúncios

Publicado em agosto 7, 2016, em Inteligência Social e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Muito bom Amanda, fico imaginando a pequena Chris fazendo a pergunta, mas ela estava certa!!!
    Também prefiro a educação!! bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s