Arquivo diário: outubro 27, 2019

Auxílio necessário

Quando pensamos em prestar ajuda a alguém, devemos sempre, primeiramente, saber se esse auxílio será bem recebido, pois tem pessoas que não gostam de que as vejam precisando de algo, e isso torna difícil podermos oferecer alguma ajuda naquele momento.

Claro que, dentro de uma atitude de discrição ou através de alguma pessoa amiga em comum, conseguimos saber se um auxílio poderá ou não ser bem recebido.

Normalmente, nossa intenção de ajudar é bem recebida e a recusa é algo inusitado, mas importante oferecermos sem que haja uma interpretação de humilhação por parte de quem necessita naquele momento.

O altruísmo é sinônimo de filantropia e solidariedade.

O prestativo é o que  está sempre pronto a ajudar, seja do ponto de vista material ou mesmo espiritual, tentando aconselhar ou colocar, de certa forma, ideias que possam ajudar no progresso de algo que esteja sendo proposto pela nossa vontade.

E a pessoa que recebe algo que pode ajudá-la, jamais se esquecerá, pois uma ajuda que chega em momento que precisamos sempre nos presta numa decisão que, muitas vezes, não estávamos preparados para resolver.

E, muitas pessoas, erradamente, pensam que chamamos de ajuda somente a parte financeira quando, na verdade, conseguimos, muitas vezes, confortar e ajudar alguém a passar por momentos difíceis somente com palavras de conforto e dando uma opinião sobre algum assunto que ajude a resolver algo importante.

Ideias não custam dinheiro, mas que, se genuínas, sem interesse, podem servir de caminho para mudar até mesmo uma maneira de viver que resulte em algo realmente melhor.

O auxílio bem dado, se seguido, pode mudar uma vida para melhor e nos ajudar a resolver problemas que dependem de nossa boa vontade.

E não nos esqueçamos de que podemos ajudar alguém com uma simples opinião que ainda não tenha sido sugerida, seja do ponto de vista pessoal ou profissional.

Tudo depende de como apresentamos alguma sugestão, não deixando claro que nossa opinião é a melhor ou infalível, e sim a maneira de ver determinado problema, que pode ajudar a enxergar ângulos que antes não haviam sido detectados.

Abraços e bom domingo, utilizando sempre o auxílio que é dado com amor 🙂

Amanda