Arquivo diário: setembro 8, 2019

Ângulos de visão

Todos temos nosso ângulo de visão em relação a qualquer assunto exposto em determinada discussão, seja particular ou comercial, com parentes ou com amigos.

Isso não quer dizer que tenhamos que ser irredutíveis e afirmarmos todo o tempo que assim pensamos e não vamos mudar.

Errado!

Claro que temos sempre nosso ponto de vista, pois isso depende de nossa experiência e da vivência que tenhamos tido naquele determinado assunto.  Pois, muitas vezes nossa experiência pode ter nos trazido resultados que nos satisfizeram e que nos completaram.

Mas o fato de ter dado certo para nós não significa que terá o mesmo resultado para o nosso próximo.

Tudo dependerá de diversas circunstâncias, de vivência de cada um de nós, e das situações que cercam os acontecimentos, naquele momento de nossas vidas.  Tudo pode mudar dependendo da situação de momento.

E respeitando o ângulo de visão de cada um de nós, o qual depende também de nossa vivência, da situação em que nossa vida está inserida, da educação que tivemos, vemos que nada é definitivo. Nosso julgamento em relação aos acontecimentos deverá ser sempre imparcial, o máximo que consigamos fazê-lo.

O que devemos pensar se estivéssemos naquela determinada situação, será que agiríamos daquela maneira?

Sempre devemos nos colocar no lugar da pessoa em questão, no caso de estarmos partindo para uma opinião, para evitarmos um julgamento precipitado e, muitas vezes, injusto.

E, que pode não ter volta.

Muito depende de como vemos as coisas, nossos ângulos de visão, e normalmente, a verdadeira mudança acontece de dentro para fora.  E muito importante evitarmos que as coisas de fora nos influencie de uma forma que não consigamos mudar depois o que foi feito.

Assim, devemos manter sempre um ângulo de visão positivo, tentando ver a vida de uma forma construtiva e lutar para melhorarmos nossas condições, atitude que pode influenciar também positivamente na vida de quem nos rodeia.

E devemos nos cuidar para não nos apegarmos somente aos revezes que tenhamos tido na vida, pois isso nos faz deixar de enxergar o que ela nos deu de bom.

E, se não estivermos totalmente felizes com nossa maneira de viver, que tal tentarmos mudar nossa maneira de ser?

Pensemos a respeito!

Abraços e um ótimo domingo 🙂

Amanda Delboni