Distinção

Distinção é a definição de pelo menos dois significados de algo a que nos referimos.  Podemos distinguir algum tipo de situação, física ou moral, ou também a função de determinadas espécies, materiais ou simbólicas.

Muitas vezes, não é fácil conseguirmos interpretar o significado do que estamos vivendo, seja no que estamos lendo, ou naquilo que estejamos desejando nos exprimir escrevendo.

Para que não sejamos mal interpretados e nos arriscarmos a consequências que não estaríamos esperando, nossas ideias devem ser sempre muito bem expressas, e distintas das demais.

Por outro lado, distinguir corretamente aquilo que nos querem dizer ou demonstrar nos traz sempre uma certeza que pode nos ajudar a resolver muitos problemas em nossa vida, tanto particular, como social e até mesmo profissional.

E esse tipo de atitude temos que utilizar também em relação a nossos amigos que possam ter se expressado de forma inadequada, e com isso nos ofendido, sem nenhuma intenção.

Para isso, nosso raciocínio deve estar em ordem para que nosso juízo nos dê a distinção entre o que nos ofende ou não.

É fato que fazemos a distinção entre indivíduos ou objetos, característica que nos permite diferenciar a existência de particularidades, quer nos agradem ou não.

Assim, devemos distinguir sempre entre dever, obrigação, ônus e sujeição, que são termos técnicos, usados para identificar diferentes institutos jurídicos, mas muito significantes no nosso dia a dia.

Portanto, vamos aprender cada vez mais a distinguir ideias, sentimentos e atitudes, em todos os sentidos e seus significados, para vivermos e convivermos bem no nosso meio.

Abraços e ótimo domingo 🙂

Amanda  

Publicado em novembro 29, 2020, em Inteligência Social e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Robert F Overbeck

    Há muito que não nos falamos e espero que estejam todos bem ?
    Parabéns pela excelência dos textos.
    Sempre acertivos . Deixo meu e-mail e quando puder de notícias . Sempre um prazer .

    Abraço carinhoso

    Robert F Overbeck

  2. Como sempre, maravilhoso texto, Amanda
    Meu abraço carinhoso
    Márcia Kitz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s