Extremos

Não devemos, em nenhuma área de nossa atividade, seja material ou espiritual, atingirmos o extremo, pois podemos ficar muito frustrados caso não alcancemos aquilo que imaginaríamos fazê-lo.

Atingir extremos, além de difícil, pode impedir que realizemos nossos objetivos.

Para evitarmos, portanto, qualquer tipo de decepção, devemos procurar planejar e lutar, com toda seriedade e análise imparcial, para não sofrermos as desilusões advindas da não realização daquilo que desejarmos.

Mesmo porque extremos não são agradáveis em nenhuma área de nossa vida, pois aprendemos desde cedo que a medida passível de ser atingida nos traz a satisfação de vermos concretizados nossos projetos. 

Extremos não são benvindos, principalmente na nossa vida prática, pois devemos manter sempre a consciência daquilo que temos ou não a capacidade de realizarmos.

Em muitos casos, não depende de nós, ou de quem nos rodeia, a execução e o resultado daquilo que imaginamos, portanto devemos manter sempre o juízo realista daquilo que planejamos conquistar.

Seja do ponto de vista material ou espiritual, uma conquista de um trabalho, de um amigo, etc.

Portanto, vamos procurar desenvolver o cálculo dos extremos para que tentemos sempre evitar erros ou omissões que possam nos prejudicar.

O equilíbrio é a grande arma que devemos usar em todos os ângulos de nossas atividades, para evitarmos os problemas que o exagero pode nos trazer.

Raciocinar é a grande medida de uma vivência equilibrada!

Abraços e ótimo domingo, sem extremos 🙂

Amanda

Publicado em novembro 8, 2020, em Inteligência Social e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s