Arquivo diário: fevereiro 19, 2012

Denegrir a imagem de alguém não leva a nada!

Não conduz a nada falar mal de alguém.

Podemos  até trocar idéias a respeito, comentar se podemos contar com determinada pessoa para situações adversas, falar se a pessoa engordou um pouco, se está mais bonita.  Essas são frivolidades que absolutamente não incomodam e não prejudicam.

Podemos até mesmo fazer críticas construtivas, se somos solicitados.

Mas daí, a falar mal sobre a moral, inventar ou repetir o que se ouviu falar, sem se preocupar com a veracidade dos fatos, não é algo construtivo e pode ser mesmo extremamente prejudicial, destrutivo e perigoso.

Claro que se você tiver conhecimento de que um amigo seu vai se envolver com alguém de quem você conhece o passado no sentido de prejudicá-lo, você deverá alertá-lo discreta e firmemente, convidando-o a examinar melhor o futuro desse relacionamento.

Mesmo assim, a decisão será dele de investigar a veracidade do que se ouviu falar.

Na minha maneira de agir, vejo as pessoas com boa vontade, de acordo com o que eu penso, sem me ligar na opinião dos outros.

Gosto de meus amigos sem me preocupar se os outros gostam ou não, sem julgamento.  Afinal, quem somos nós?

Temos que medir a diferença entre um atitude fortuita, impulsiva, ocasional, de uma atitude ativamente infamante.  Pesar a diferença é onde está nossa sabedoria.

Uma vez eu estava com algumas amigas numa mesa de almoço, e quando, por acaso, se falou no nome de determinada pessoa, uma das presentes emitiu uma idéia muito desagradável a respeito dessa referida mulher.

Eu achei injusta sua atitude, e lhe disse incisivamente que ela não tinha o direito de falar daquela maneira de quem ela mal conhecia – ainda mais em público.

E eu sei que era boato mesmo o que ela havia escutado, mas não achei elegante ela denegrir a imagem de alguém na frente dos outros.  Para que?

E pior ainda, denegrir a imagem de alguém ausente é covardia – não dá nem a chance da pessoa se defender.

É importante pensar bem antes de falar de alguém.

Um  abraço e ótimo carnaval!

Amanda